#SejaInnovator - Dicas sobre a Seleção do Google para Educadores Inovadores do Brasil


O Programa de Certificação para Google Innovators 2017 do Brasil está aí. O que você está esperando para se inscrever na última parada do Google for Education este ano?

Nesta Playlist do Youtube, mostramos todo o passo a passo do processo até as inscrições. Aqui temos uma ajuda visual para você entender o processo, mas lembrando que o passo dois é um plus, opcional. O que você precisa mesmo é ter o Certificado Educador Nível 1 do Google para poder se inscrever:



E olha as dicas super importantes que os Google Innovators deixam para você quando estiver preenchendo sua inscrição: 
O portfólio é um showcase de trabalhos que você já desenvolve com alunos e professores; vai além do CV. Demonstra atividades, experiências educacionais colaborativas. Quando eu enviei o meu foi, na verdade, uma pasta no Drive com exemplos do tipo de trabalho que eu desenvolvia. Também pode ser um link para um Google Site, por exemplo, com exemplos do seu trabalho. (+CarlaArena)
Responda estas perguntas. Se elas forem SIM, você está no caminho certo:
Portfólio - aqui o que conta não é a ferramenta, mas o uso colaborativo e conectivo delas com alunos, quer dizer, você sabe usar as ferramentas para encorajar a colaboração, co-criação, autoria dos alunos? 
Projeto - Você está demonstrando sua visão e também impacto na comunidade que pretende atingir? 
Vídeo - Você demonstra visão + impacto + paixão pela educação + senso de comunidade? ​ 
A Google Innovator +PalomaEpprechteMachadodeCamposChaves nos lembra o que realmente importa:
"Eu diria que um dos aspectos mais valorizados é nossa capacidade de impactar outros educadores. A paixão é um elemento decisivo em termos de impacto, pois esse brilho nos olhos envolve as pessoas que estão ao nosso redor. Portanto, pensem no impacto que vocês podem causar... Que tipo de experiência vocês já tiveram em que levaram outros professores a conhecer e utilizar esses recursos digitais na transformação de suas práticas pedagógicas, propiciando uma melhora na qualidade de aprendizagem dos estudantes? Procurem compartilhar essas experiências." 
+DiegoSemede nos fala como foi seu portfólio,
"Organizei meu conteúdo no Google Drive e selecionei alguns trabalhos de História que desenvolvi com meus alunos. Pra não ficar muita coisa, na época achei melhor escolher um de cada ferramenta que usei. Coloquei nessa pasta um com Google Maps, um com Street View, um com Google Arts & Culture (na época chamava Google Cultural Institute), e assim por diante. Escolhi colocar poucos trabalhos, mas que demonstrassem diversos usos diferentes. Foi a estratégia que escolhi na época."
E o nosso Innovator +MarcioMottamacacohomem reforça a importância de agregar no seu portfólio o resultado do seu trabalho para dar vida ao vídeo de 1 minuto com um problema que você tem e como pretende resolvê-lo com seu Projeto.
"Sobre o meu portfólio, na época, ele estava concentrado num site criado no antigo Google Sites (para um projeto específico), meu currículo no Slides e o restante no Google Drive, onde inseri todos meus projetos e experiências digitais com o Google e demais ferramentas. Tudo isso foi a base que utilizei para criar o vídeo de apresentação.
Abraço a todos e estou muito empolgado para conhecer essa nova turma de Innovators! Só posso dizer a vocês que foi uma das melhores coisas que aconteceram na minha vida ;)"

Fazer parte deste grupo é realmente acreditar na força do coletivo na transformação da educação com projetos de impacto, paixão pela nossa profissão e ação em colaboração com outros educadores. #SejaInnovator